SLEEP LINES: dormir de lado pode causar rugas
A posição que dormimos pode ter influência direta no surgimento das 'Sleep Lines'

Compartilhe este post

Dormir pode realmente refletir no aspecto da nossa pele, afinal durante a noite o organismo combate os radicais livres que podem envelhecer a pele.

Mas já pensou se o sono da beleza na verdade estiver afetando de forma negativa a saúde da sua pele?

 

Isso porque a posição que dormimos pode ter influência direta no surgimento das Rugas do sono, conhecidas como ‘Sleep Lines’.

Depois dos 30, ao encarar nossa imagem no espelho, é possível observar algumas rugas e marcas de expressão mais evidentes em um dos lados da face.

E se mesmo com hábitos saudáveis incluindo alimentação e hidratação, algumas marcas insistem em aparecer e podem ser causadas por um hábito comum e aparentemente inofensivo: dormir de lado!

Dormir faz bem pra pele sim, mas enquanto você dorme,
sua pele pode estar sendo afetada pela posição que você dorme.

Geralmente ao dormir de lado ou bruços, pressionamos o peso do corpo contra a cama e travesseiro. Conforme vamos relaxando, a pele automaticamente deslisa e acaba sendo “amassada”, muitas vezes permanecendo por horas na mesma posição.

Acordar com a “cara amassada” e perceber as marcas do sono no rosto é comum. Às vezes demoram de minutos a horas para desaparecer, mas com o passar dos anos elas podem ser definitivas.

 

Isso porque após os 30 anos o corpo diminui a produção do colágeno e a pele vai perdendo a força e a firmeza, reduzindo cada vez mais a elasticidade e hidratação da pele.

Por isso com o tempo o hábito de dormir “amassando a cara no travesseiro” pode acentuar os efeitos na pele, demorando cada vez mais para sair, até chegar um momento que ficam marcadas definitivamente.

As “sleep lines” também podem atingir o colo, principalmente quando se passou parte da vida com o hábito de dormir de lado.

Como amenizar e se prevenir das ‘sleep-lines‘?

Alguns simples cuidados podem prevenir o surgimento das sleep lines. Confira algumas dicas que podem ajudar:

 DURMA COMO UMA PRINCESA

Parece coisa de filme, mas um sono de princesa pode sim salvar a sua pele. Isso porque dormir de barriga para cima é a posição ideal para você permanecer com a musculatura descansada e esticada durante toda a noite.

Prefira travesseiros macios que se adaptem a anatomia do pescoço e rosto. Escolha fronhas de seda ou cetim, pois facilitam o deslizamento do rosto e diminuem o atrito e a fricção da pele com o travesseiro.

USE PADS PARA DORMIR

As Placas de Silicone começaram a ser usados no Japão há cerca de uma década e podem ajudar a prevenir as ‘sleep lines’.

O silicone é um material que não agride a pele por isso não há contraindicação, exceto em caso de sensibilidade ao uso de produtos à base de silicone.

Os PADS agem através da ação mecânica dos adesivos na pele, que estimulam a hidratação ao esticar a pele, diminuindo a profundidade das rugas, deixando a pele mais lisa. Existe uma ampla variedade de modelos que se adaptam a região dos olhos, entre as sobrancelhas, pescoço e colo.

HIDRATE BEM A PELE

Usar cremes de hidratação e tratamento noturnos para dormir ajuda a prevenir as ‘sleep lines’. Enquanto você dorme, eles agem na sua pele, ajudando a combater o processo de envelhecimento.

E lembre-se: beber água também faz parte do processo de hidratação.

 

PROCURE UM PROFISSIONAL ESPECIALIZADO EM HARMONIZAÇÃO OROFACIAL

Com o avanço da estética, hoje existem inúmeros tratamentos para combater as ‘sleep lines’. O ideal é associar procedimentos estéticos funcionais para conquistar melhores resultados.

Procedimentos como liftings, skinboosters e preenchimentos podem ser indicados. A aplicação do ácido hialurônico na pele estimula a produção do colágeno, promovendo uma hidratação profunda. O resultado é uma pele mais firme, renovada e livre das rugas de sono.

Para encontrar a melhor solução é importante que você procure um profissional especializado para avaliar e indicar técnicas eficientes para o seu caso.

 

Essa dica te ajudou? Então deixe seu comentário ou sua dúvida!

E para conhecer um pouco mais sobre Harmonização Orofacial, se inscreva no meu canal do YouTube e também me siga no Instagram para acompanhar meu dia a dia.

Até o próximo post,