Md Codes: o Código da beleza

Compartilhe este post

Você já conhece a nova técnica de rejuvenescimento da beleza?

Não é novidade que a cada dia que passa surgem mais novidades no mundo da estética. Porém, entre as tantas inovações um método recente, ainda em fase de descobrimento pelas pessoas: O MD CODES.

É uma técnica de rejuvenescimento que promete revolucionar os tratamentos estéticos faciais, restaurar e prolongar a beleza.

O QUE É O MD CODES?

A técnica de MD CODES mapeia pontos específicos na face para realizar preenchimento, criando um efeito de lifting.

Ou seja, são uma série de pontos precisos criados para orientar os tratamentos com preenchimento no rosto, que consistem em um número variável de pontos, divididos em áreas anatômicas da face.

Cada ponto é representado por letras e números, onde as letras representam a uma determinada área anatômica e os números indicam a sequência em que as injeções podem ser potencialmente aplicadas.

Diferente dos métodos comuns e tradicionais, esse preenchimento não busca apenas os resultados pontuais, mas sim a solução mais efetiva, com o intuito de beneficiar e satisfazer o paciente.

QUAIS AS ÁREAS INDICADAS PARA ESSA APLICAÇÃO?

O MD Codes, que são os preenchimentos dérmicos, podem ser utilizados na face por inteira, proporcionando rejuvenescimento e volume, com uma excelente estética sadia, bonita e natural.

Os locais que mais utiliza-se a técnica são: Nos pontos da testa, bochechas, olho, queixo e lábios.

E o melhor: Pode ser feito sem necessidade de parar suas atividades e voltar ao trabalho depois de 30 minutos após a aplicação.

PARA QUEM É INDICADO? QUANTO TEMPO DURA?

É indicado para homens e mulheres que já apresentam rugas e linhas de expressão, além de flacidez de leve a moderada.

E o tratamento com o ácido hialurônico pode durar de 8 a 18 meses.

Mas cuidado! Deve-se escolher produtos adequados para fazer esse procedimento e procurar um especialista qualificado para avaliação.

Vamos nos conhecer melhor? Agende uma consulta de avaliação comigo clicando aqui.

Até breve!

 Dr Vítor Erlacher